Web-FerroMHnegativo.jpg (5735 octets)      Coudelaria M. Heleno - Haras Biarritz      Web-Piaf MH1.jpg (8969 octets)

  Artigo 010
Home Index

Voltar à página Imprensa            Retour a la page La Presse            Page The Press

 

Notas soltas

Boas Notícias aos Criadores

 

 Já está em Portugal o garanhão Eddy d’Amour (SF),
que o Estado Francês emprestou aos portugueses

Há muito que me preocupava o facto dos criadores portugueses não disporem de um bom garanhão de desporto pertencente ao Estado, capaz de melhorar e modernizar o efectivo nacional e acessível a todos aqueles que, por uma ou outra razão, não têm a possibilidade de importar o seu próprio padriador.

Lembro-me que, há algum tempo, ao abordar o assunto com alguém de responsável, me foi explicado que o Estado só podia “ter raças tradicionais”, entenda-se, estava fora de questão deixar entrar nas Coudelarias Estatais um cavalo de uma raça dita de desporto, não sei se por ser considerada inferior ...  Lamentei o espírito retrógrado e a falta de conhecimentos, mas não insisti. 

Felizmente, quando recentemente falei sobre esta questão com o actual e dinâmico Director da Coudelaria Nacional (Fonte Boa), Senhor Dr. Mário Barbosa, senti que havia nele uma grande vontade de fazer evoluir a criação nacional de animais de desporto e de assim tentar diminuir o nosso colossal atraso em relação aos outros países civilizados. Mas havia um problema de fundos ...

E foi assim que com entusiasmo me ofereci para, a título pessoal, me informar junto dos Haras Franceses se haveria alguma hipótese daqueles organismos nos cederem um garanhão Sela Francês em boas condições.

Fiz os primeiros contactos e tentei o que parecia impossível. A resposta não tardou e ultrapassou todas as minhas esperanças. Telefonei então ao Dr. Mário Barbosa para anunciar que lhe ia transmitir o protocolo que os franceses me tinham enviado para assinatura, pois tinha conseguido que nos emprestassem gratuitamente e por tempo indeterminado o garanhão Eddy d’Amour, filho de Rosire (Uriel e Eolienne, por Ultra Son), padriador do Haras de Saint-Lô e considerado o melhor dos actuais garanhões nacionais de França - ISO 177(93), BSO + 31 (0,96)-.

E é assim que os criadores portugueses estão de parabéns, ficando a dispor desde já dum Sela Francês com uma ilustre origem que, além do referido Uriel, tem na sua linha Furioso, Ibrahim, Nankin, Jus de Pomme, Quastor, etc.

Espero que o Estado Português tenha ficado contente com o presente e que os criadores aproveitem a sorte que lhes coube. E os nossos agradecimentos ao ilustre Director da Coudelaria Nacional, Senhor Dr. Mário Barbosa, por permitir que, enfim, a nossa criação cavalar comece a evoluir.

 


Na Assembleia-geral da Associação Portuguesa de Criadores de Raças Selectas, foi aprovado um Regulamento Nacional para as provas de
Modelo e Andamentos

Havia uma necessidade absoluta de uniformizar e valorizar este tipo de concursos a nível nacional. Por isso, apresentei uma proposta de regulamento que depois de discutido e aperfeiçoado pelos interessados foi aprovado a nível da Associação e dos Livros Genealógicos, aguardando-se agora a sua rápida homologação pelo Serviço Coudélico.

Penso que com esta aprovação foi dado um grande passo em frente no sentido da evolução. E a regulamentação e a uniformização a nível nacional deste tipo de provas vão certamente trazer muitos benefícios, que aproveitarão a todos.

É um excelente começo, embora na referida reunião se tenham feito algumas correcções que me surpreenderam. Com efeito, houve quem não partilhasse a minha opinião de que os Concursos de Modelo e Andamentos (em vários países chamados de “Criação Cavalar”), são provas destinadas a seleccionar os melhores reprodutores, tendo por objecto o melhoramento das raças e orientando-se essencialmente para recompensar os melhores criadores. A opção adoptada permite, por exemplo, que os cavalos castrados participem nestes concursos. As consequências são grandes e, entre outras, tornam inviável qualquer tentativa para obter da Europa ou do Estado (e mesmo da Associação Portuguesa de Criadores de Raças Selectas), subsídios ou prémios para fomentar o melhoramento da criação cavalar, pela recompensa dos melhores reprodutores.

 A modificar com urgência.

 

 

O Puro Sangue Árabe vai voltar a ter testes funcionais que permitam uma melhor selecção de reprodutores

Como Presidente do Stud-book do PSA, pareceu-me oportuno organizar uma reunião com os criadores e proprietários daquela raça, para conhecer as opiniões e as sugestões dos interessados na tomada de decisões necessárias e importantes para o futuro da criação de Cavalos Árabes em Portugal.

Uma das principais deliberações referia-se à necessidade de manter e se possível melhorar a extraordinária qualidade funcional do Árabe Português, uma das melhores existentes a nível mundial, graças em grande parte às provas funcionais que antigamente se realizavam na Fonte Boa e que constituíram uma das mais duras e eficazes selecções que o mundo conheceu.

Depois de cada um ter dado a sua opinião e de uma longa troca de impressões, foi por unanimidade que se decidiu instituir de novo provas funcionais de selecção para reprodutores.

Assim, na última semana de Outubro de cada ano, na Coudelaria Nacional da Fonte Boa, serão organizadas provas testes de selecção para animais (machos e fêmeas), de 3 e de 5 anos. 

Todas as provas desportivas serão julgadas em acordo com os regulamentos da FEI, e, evidentemente, os controles veterinários durante todo o seu desenrolar serão decisivos.

Estas provas não são obrigatórias para futuros reprodutores, mas os participantes conhecerão o valor dos seus animais pela pontuação obtida e serão gratificados com o prestígio de os terem submetido aos referidos testes. Nas provas de 5 anos os melhores concorrentes receberão o título de “Reprodutor Elite”, os outros o título de “Reprodutor Testado”.

Na mesma reunião outras decisões importantes foram tomadas em relação ao PSA: criação de uma listagem de Juízes conhecedores da Raça e formação de novos Juízes, organização de Concursos de Modelo e Andamentos e de Concursos de Desporto, acordo para que no PSA todas as formas de inseminação sejam aceites, actualização do Stud-book, realização de um site Internet com páginas abertas a todas as Coudelarias, duas reuniões anuais para os Criadores e Proprietários de PSA, etc.

Manuel Heleno


Legendas das fotografias

 Foto a – Melody Biarritz, Campeão de Portugal em Modelo e Andamentos

 Foto b – Reject Ibn Biarritz, PSA, vencedor do CCE de Mafra e 3º no Campeonato de França de AA, é a prova do interesse de uma selecção feita através de testes funcionais

Foto c – Eddy d’Amour, Sela Francês, filho de Rosire considerado o melhor dos actuais garanhões dos “Haras Nationaux” Franceses

 

 

Voltar à página Imprensa            Retour a la page La Presse            Page The Press

Home Index